Pesquisa:
 
Apoio

Religião e LGBTs

Lésbias e Gays na Bíblia

    Ruth e Noemi (Rute 1:16-17 e 2:10-11)


    Neste livro é descrita a ligação de amizade muito próxima entre estas duas mulheres. Noemi era viúva com dois filhos. Rute é a viúva de um dos filhos de Noemi.

    Curiosamente uma das passagens mais conhecidas deste livro é Ruth 1:16-17 que é utilizada em muitos matrimónios heterossexuais:

    Disse, porém, Rute: Não me instes para que te abandone, e deixe de seguir-te; porque aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus; 17 Onde quer que morreres morrerei eu, e ali serei sepultada. Faça-me assim o SENHOR, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti.

    Em Rute 1:14 está a expressão "Rute se apegou a ela", aqui a palavra original hebraica utilizada para "apegou" é a mesma que é utilizada no casamento heterossexual em Genesis 2:24 - "Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.".

    David e Jónatas (I Samuel e II Samuel)


    Estes dois livros apresentam, entre outros eventos, a relação extremamente íntima entre David e Jónatas. Jónatas era o filho do Rei Saúl e primeiro na linha de sucessão. Mas Samuel indicou David para ser o próximo rei o que trouxe grande preocupação a Saúl.

    I Samuel 18:1
    a alma de Jónatas se ligou com a alma de David; e Jónatas o amou, como à sua própria alma
    nota: nas transcrições destes livros "traduzimos" os nomes em português do Brasil para os normalmente utilizados em Portugal.

    A questão aqui é que a palavra "alma" quando utilizada nos livros bíblicos originalmente escritos em Hebraico significa uma união entre espiritual e físico como em Génesis 2:7, o que leva a indicar que esta "ligação entre as almas" poderia ser não só emocional mas também uma ligação homossexual física.

    As coisas ainda ficam mais evidentes nas passagens seguintes I Samuel 18:2:
    E Saul naquele dia o tomou, e não lhe permitiu que voltasse para casa de seu pai. 3 E Jônatas e Davi fizeram aliança; porque Jônatas o amava como à sua própria alma. 4 E Jônatas se despojou da capa que trazia sobre si, e a deu a Davi, como também as suas vestes, até a sua espada, e o seu arco, e o seu cinto.

    I Samuel 20:41
    E, indo-se o moço, levantou-se Davi do lado do sul, e lançou-se sobre o seu rosto em terra, e inclinou-se três vezes; e beijaram-se um ao outro, e choraram juntos, mas Davi chorou muito mais.

    Esta passagem teve múltiplas traduções, em particular a parte final "beijaram-se um ao outro, e choraram juntos, mas David chorou muito mais". Por exemplo na versão versão inglesa King James 1611 pode-se ler "e choraram um com o outro, até que David se excedeu (exceeded)." enquanto a versão francesa Louis Segond já não se beijam mas apenas "abraçaram-se e choraram juntos, David em particular, estava derretido em lágrimas".

    Aparentemente a ideia de dois homens adultos se beijarem era demasiado repugnante para Lous Segond de forma que tiveram de se passar apenas a "abraçar". Na versão original em hebraico a parte do "excesso" pode ter outras interpretações mais directas incluindo o facto de que David teve uma erecção (cresceu).

    II Samuel 1:26
    Angustiado estou por ti, meu irmão Jônatas; quão amabilíssimo me eras! Mais maravilhoso me era o teu amor do que o amor das mulheres.

    Novamente aqui as questões sociais são relevantes: tradicionalmente não era visto com bons olhos uma relação amorosa não-sexual entre um homem e uma mulher. E aqui as coisas também se complicam: porque comparar dois fenómenos completamente distintos como o "amor" sexual entre um homem e uma mulher e um "amor" não sexual entre dois homens?

    Daniel e Aspenaz


    Aspenaz era o chefe dos eunucos de Nabucodonosor, Rei da Babilónia. Daniel era um dos eunucos com ascendência da casa de Israel.

    Daniel 1:9
    Ora, Deus fez com que Daniel achasse graça e misericórdia diante do chefe dos eunucos.
    Na versão inglesa de King James 1611 em vez de "misericórdia" pode-se ler "amor carinhoso".
    E esta divisão entre as traduções está relacionada com o facto de as palavras originais em hebraico que foram traduzidas para "graça e misericórdia" poderem ter sentido duplo... uma das traduções possíveis é "miserdicórdia e amor físico", que, obviamente, foi rapidamente excluída nas traduções.
    Curiosamente seria difícil a Daniel e Aspenaz consumar o seu amor visto ambos serem eunucos (embora quando os machos são castrados após a puberdade ainda mantenham o seu desejo sexual). Também é interessante verificar que não é apresentado na Bíblia mais nenhum exemplo de "amor" de qualquer tipo de Daniel por outra pessoa.
 
Apoio

Religião e LGBTs

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e TRÊS.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal