PORTUGAL: Dança Desportiva nos Gay Games com Portugal no nível mais alto (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Sexta-feira, 10 Agosto 2018 21:17

PORTUGAL
Dança Desportiva nos Gay Games com Portugal no nível mais alto



Hoje o destaque dos Gay Games vai para a Dança Desportiva, com Portugal representado ao mais alto nível entre os mais de 300 participantes.


A prova teve o apoio da IFSSDA (Federação Internacional de Associações de Dança Desportiva do Mesmo Sexo) e, para todos os efeitos práticos, selecionam os campeões mundiais para 2018. O objetivo aqui é ultrapassar as limitações das danças de salão tradicionais que são restritivas não só em termos de participação, apenas podem dançar pares de género diferente, como do papel associado a cada género: o homem “lidera” a dança e a “mulher” segue-o e a forma de avaliação das prestações também segue estes papeis rígidos e os estereótipos de masculino/feminino. Nas competições da IFSSDA os papeis de cada participante são flexíveis: a mulher pode ter a liderança por exemplo sem ser prejudicada por isso, podem dançar duas pessoas do mesmo género, e os papeis de liderança/seguir podem ser trocados entre os participantes durante uma dança. Esta flexibilidade também se reflete mais recentemente no guarda-roupa, e este ano o grande vencedor numa das categorias de homens usaram roupa que normalmente seria associada a um casal de sexo diferente.

Tal como em outras competições de Dança Desportiva as provas foram divididas nos estilos habituais para pares com “Standard” (Valsa, Tango, Valsa Vienense, Slow Foxtrot, Quickstep), “Latinas” (Cha Cha, Samba, Rumba, Paso Doble, Jive) e “10 Dance” (combinação de Standard + Latinas). Em cada estilo os participantes foram ainda sub-divididos não só em homens, mulheres e mixed, como também em duas categorias para idade: “Sénior” para maiores de 40, e “Open” para maiores de 18 e ainda, nas categorias com mais participantes, em diferentes níveis de especialização.

Além destes estilos houve também provas específicas de Tango Argentino (que inclui Tango, Valsa e Milonga), Showdance (pares e equipa) e Handidance (desporto adaptado).

Tiago Caria e André Reina representaram Portugal em Latinas “Open” (nível de topo) e Showdance Pares e tivemos oportunidade dos entrevistar, o vídeo está disponível aqui, assim como um breve trecho da sua atuação de Latinas. Tiago e André estão neste momento emigrados em Londres, mas já tinham um passado de dança desportiva em Portugal com parceiros de género diferente, tendo inclusivé competido nas mesmas provas um contra o outro. Há cerca de um ano decidiram preparem-se para os Gay Games sendo a primeira prova oficial em que se apresentam juntos, tendo chegado em Paris à final de Showdance mas não conseguiram obter uma das medalhas.

Os eventos de Dança Desportiva nos Gay Games 2018 terminaram hoje à noite com uma gala em que dançaram todos os vencedores do nível principal e a que se seguiu um baile aberto a todas as pessoas interessadas.

Foto-reportagens

Categoria Sénior, dia 8 de Agosto

Categoria Open, dia 8 de Agosto

Showdance e Handidance

PORTUGAL: Dança Desportiva nos Gay Games com Portugal no nível mais alto

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas DOIS e CINCO.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal