Prosa - Quando me Tocares (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
 
Parceiro PortugalGay
Aberto
Prosa

Quando me Tocares

Out 2001

Quando me tocares, sente que sou eu.
Enterra tua mão na minha carne
E arranca de uma vez só, o coração.

Quando me pegares ao adormecer
E me elevares num sonho de sensações
Atira-me ao ar leve, qual pluma.
Não tenhas dó ou pena
No magoar da queda desse vôo.

Quando fizeres parte de mim,
E eu de ti,
Faz parte também de meu sangue.

Bebe-me da mesma gota
Em que eu te bebi.
Cairemos os dois embriagados.

Quando se acenderem as velas todas,
Só tu, e mais ninguém,
As poderá apagar
E adormecer na minha escuridão.

Angel 4
 

Quando me Tocares

© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas SETE e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal