Pesquisa:
 

Terça-feira, 20 Maio 2014 17:06

MARROCOS
Seis detidos por homossexualidade



O pai de um dos acusados denunciou à polícia os outros cinco por alegadamente estarem a "incentivar" o seu filho de 19 anos a ser gay. Como resultado os seis foram presos.


Enquanto país árabe, Marrocos é visto pelos seus vizinhos como "liberal", contudo Marrocos é ainda bastante conservador e o sexo entre pessoas do mesmo sexo continua a ser ilegal e também visto como algo imoral. Ahmed Amin Chaadi, da Liga Marroquina para a Defesa dos Direitos Humanos disse que "as convenções internacionais procuram proteger a família e o que aconteceu é contra a natureza e contra a moral e os valores da sociedade".

Ativistas pelos direitos LGBTI do grupo ASWAT (VOZ em árabe) comemorando o dia 17 de Maio, dia Internacional de Luta Contra a Homofobia e Transfobia, pedem que "as pessoas tenham o direito de escolher, e fazer o que querem com os seus corpos, enquanto não prejudicarem terceiros".

A lei que proíbe as relações homossexuais em Marrocos raramente é aplicada, mas segundo a Aswat tem sido nos últimos cada vez mais usada para processar ou perseguir as pessoas LGBTI. As escolas marroquinas são obrigadas por lei a conter nos seus currículos o "enfatizar do perigo e depravação dos atos não naturais".

Já ano passado a policia marroquina prendeu dois homens por terem sido apanhados em flagrante no ato sexual.

Pode também ter interesse em:

 
On-Line
Arquivo Notícias (2014)
© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas CINCO e SETE.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal